Dominio: saudenocorpo.com
Chave: 551eaec2ada22cab6158c5b90561a1f4a1415d7a
Hora do cache: 1480808842
Vida do cache: 1482104838
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: 06edfff39384f069d6b8da8be1ebde6bffc7fa85
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Dieta DASH Vegetariana

A cada ano novas dietas surgem no mercado prometendo revolucionar o modo como lhe damos com a comida. Isso acontece por dois motivos, o primeiro é o alto índice de pessoas obesas em todo o mundo, os dados servem como alerta o modo como andamos nos alimentando e também servem de incentivo para que mudanças significativas sejam feitas por quem desejar não apenas emagrecer, mais cuidar da saúde. A segunda razão é pelo culto ao corpo e a beleza, é comum que as pessoas corram atrás de um corpo perfeito e muitas vezes com pouca gordura, recorrendo em alguns casos as dietas.

A mais recente as dietas é conhecida como Dieta Dash, ela foi criada para ajudar a manter a hipertensão, mas acabou ganhando a simpatia de milhares de pessoas que viraram adeptas de seus fundamento.

Dieta Dash

Dieta Dash

Entenda mais sobre a Dieta Dash

A Dieta Dash nasceu nos Estados Unidos, país com o maior número de obesos e hipertensos no mundo, e usou do avanço tecnológico para tentar controlar os índices do colesterol e da pressão arterial de quem sofre com a hipertensão. Formula no Instituto Nacional do Coração, Pulmão e Sangue dos Estados Unidos a Dieta Dash no entanto serve também para quem quer mudar seus hábitos alimentares e entrar de vez na onda saudável.

A dieta Dash significa Dietary Approaches to Stop Hypertension, que em uma tradução livre significa Abordagens dietéticas para parar a hipertensão. Por esse motivo a Dieta Dash foi pensada para os pacientes que sofrem com a pressão alta e o emagrecimento é apenas uma consequência da mudança de hábitos sugeridos pelo plano alimentar.

Para os especialistas que criaram a Dieta Dash é preciso tomar muito cuidado na hora de se alimentar, optar por alimentos frescos e inserir uma atividade física em sua rotina. Mesmo não sendo radical, a Dieta Dash tem restrições fortes como o consumo de sal. Para quem quer começar a Dieta Dash é preciso entender que o Sódio é o principal vilão para os hipertensos e por isso deve ser evitado ao máximo. Por isso é melhor optar por alimentos frescos como verduras, frutas e legumes e ao consumir industrializados ver o valor do sódio na embalagem e até mesmo esquecer seu consumo se ele for muito alto.

A Dieta Dash ainda restringe o consumo de gorduras saturadas, já que ela se acumula nas paredes das artérias e dificulta e muito o fluxo sanguíneo, assim como o consumo de açúcar já que o alimento é um dos responsáveis pelo sobrepeso, fator de risco para os hipertensos.

O que consumir na Dieta Dash

Os especialistas que formularam a Dieta Dash dizem que é preciso escolher alimentos com pouca gordura, como a carne magra vermelha e até mesmo as brancas, utilizando pouca quantidade desses alimentos. Além disso os princípios da Dieta Dash orientam que o paciente coma sem restrições hortaliças e leguminosas, cerca de 10 conchas por dia.
Incluir pelo menos três porções de laticínios semi ou desnatados no cardápio também é uma orientação da Dieta Dash, assim como alimentos integrais no geral que devem substituir os processados. Por fim é preciso diminuir o consumo de sal, aumenta o consumo de oleagionosas e diminuir o consumo de óleos em geral, assim como aumentar a prática de atividade física, sendo o ideal pelo menos 3 vezes por semana de acordo com os criadores da Dieta Dash.

Recomendados Para Você:

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.