Dominio: saudenocorpo.com
Chave: 551eaec2ada22cab6158c5b90561a1f4a1415d7a
Hora do cache: 1480808842
Vida do cache: 1482104838
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: 06edfff39384f069d6b8da8be1ebde6bffc7fa85
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Sobre a Menstruação

Por volta de 40 anos de sua vida, uma mulher experimenta um fenômeno normal chamado de ciclo menstrual. Uma regular perda de sangue e tecidos naturais do desprendimento do revestimento interior do útero (menstruação) ocorre a cada 26 ou 35 dias (mais ou menos mensalmente) em cada mulher normal que não esteja grávida, antes da menopausa. Cada mês pode ser dividido numa fase folicular (desenvolvimento do óvulo), a ovulação (libertação do óvulo) no meio do mês, e uma fase lútea (durante o qual o revestimento do útero está pronto para receber um óvulo fertilizado). Se o óvulo não for fertilizado, o endométrio é eliminado, e a mulher tem o seu período menstrual. Então, toda a sequência de eventos recomeça novamente.

A maioria das mulheres não tem dificuldades durante a primeira metade do seu ciclo menstrual, mas quando o óvulo é liberado, pode haver problemas, como dor pélvica. Durante a segunda metade do ciclo, a mulher pode sentir a síndrome pré-menstrual (TPM) e ela pode ter cólicas menstruais no início da sua menstruação.

Aproximadamente de 70% a 90% das mulheres sofrem da síndrome pré-menstrual. Os sintomas da TPM incluem irritabilidade, nervosismo, cólicas, inchaço e dores de cabeça. Uma situação particularmente grave, o transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM) é ainda mais problemático do que a TPM.menstruação

Cada etapa do ciclo menstrual de uma mulher é controlada por hormônios. A produção destes hormônios depende da boa saúde geral da mulher. A perda excessiva de peso corporal pode resultar na cessação da menstruação. Há um certo número de distúrbios caracterizados por períodos de ausência ou por períodos muito longos, pesados, irregulares ou dolorosos. Condições subjacentes, que podem incluir a síndrome do ovário policístico e endometriose, precisam ser avaliadas clinicamente.

Ironicamente, existe uma condição médica que afetam as mulheres e elas se beneficiam da menstruação. A doença é a hemocromatose, caracterizada por um excesso de ferro no sangue. Mulheres com hemocromatose perdem bastante sangue durante a menstruação e talvez não seja necessário o tratamento usual para remover o excesso de ferro.

Pesquisas semelhantes

  • qual os benefcios de a mulher menstrua

Recomendados Para Você:

1 Comentário

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.