Saiba com é a Celulite Infecciosa

A celulite infecciosa, que também pode ser chamada de celulite bacteriana, é uma doença de caráter grave que chega ao nosso organismo por meio de uma simples porta, como é o caso de uma espinha, uma ferida ou até mesmo uma unha encravada.

Dessa forma, a doença é caracterizada pela invasão de bactérias, principalmente as do tipo estreptococos e estafilococos, que entram no organismo do indivíduo, se alojam e logo começam a sua atuação infecciosa.

Nesse caso, as bactérias se instalam com facilidade em nosso organismo e logo contaminam o nosso sistema subcutâneo, machucando-o. Além disso, os tecidos mais próximos também podem acabar sendo afetados, motivo pelo qual o tratamento de uma celulite infecciosa deve ser realizado rapidamente (lembrando que, em momento algum esse tipo de doença deve ser comparado com as celulites normais e que todos nós temos, mesmo que em pequenas quantidades).Celulite Infecciosa

A celulite infecciosa é caracterizada então como uma infecção, sendo ela grave e de caráter cutâneo. A celulite, nesse caso, se difere um pouco da tradicional, aparecendo de maneira bem inchada, com vermelhidão. Ela tem potencial para se espalhar rapidamente pelo corpo, sendo o local mais afetado as próprias pernas, além do bumbum e até mesmo do próprio rosto.

Veja também:

Artigos relacionados


Os principais sintomas da celulite infecciosa

Os sintomas mais comuns dessa infecção cutânea são a vermelhidão na região afetada, assim como muita dor nessa mesma parte. O inchaço também é comum e a pele fica mais quente e com um aspecto extremamente macio. Inclusive, é esse aumento de temperatura no corpo que também pode ocasionar a febre, um sintoma bem comum nesse caso.

Além disso, quando as bordas das partes afetadas ficam com um aspecto de relevo, pode ser que essa celulite seja classificada como erisipela. Mal estar, náuseas e até mesmo vômito também são comuns em alguns casos. Assim que identificar os sintomas da doença, o paciente deve ir a um pronto socorro ou um médico especialista, como o próprio dermatologista.Celulite Infecciosa

O tratamento da celulite infecciosa

Caso seja diagnosticado com a celulite infecciosa, devemos destacar que esse tipo de infecção exige um tratamento especializado e próprio, ou seja, é necessário realizar uma consulta com o dermatologista, que provavelmente irá lhe recomendar o uso de antibióticos, sendo a ‘penicilina’ um dos mais comuns medicamentos para o tratamento da doença.

Além disso, é necessário destacar que o paciente deve ficar em repouso durante o período do tratamento, já que ele não pode movimentar de maneira brusca as áreas que estão afetadas pela doença. Para acabar com a dor e com a febre, os medicamentos indicados são os analgésicos e antipiréticos, que geralmente também são prescritos pelo próprio médico.

As complicações

Diferentemente da celulite normal, a celulite infecciosa é capaz de causar uma série de complicações de caráter grave caso ela não seja tratada rapidamente pelo indivíduo.

Uma das mais preocupantes complicações certamente é a de septicemia, que nada mais é do que uma infecção generalizada em todo o organismo do indivíduo, sendo ela capaz de causar a própria morte se não for tratada.

banner ebook fator celulite


Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.