Dominio: saudenocorpo.com
Chave: 551eaec2ada22cab6158c5b90561a1f4a1415d7a
Hora do cache: 1480808842
Vida do cache: 1482104838
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: 06edfff39384f069d6b8da8be1ebde6bffc7fa85
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Trombose Venosa Profunda (TVP)

A trombose venosa profunda se trata de uma condição que é conhecida, pela grande maioria, unicamente por seu primeiro nome: trombose. A doença consiste na formação de um coágulo sanguíneo em, pelo menos, uma das veias que estão localizadas na região inferior do nosso corpo, se manifestando principalmente nas pernas.

As causas da trombose venosa

A doença acontece quando o coágulo sanguíneo em questão é formado em uma ou em mais veias do nosso corpo, especialmente na região das coxas ou da perna. A trombose sempre se manifesta na região de baixo do nosso corpo e em grandes veias, motivo pelo qual a perna costuma ser uma das preferidas dessa condição.

O coágulo sanguíneo acaba bloqueando todo o fluxo de sangue dessa(s) veia(s) em questão, o que causa não só dor, como também um grande inchaço nessa parte do corpo. O problema maior ocorre quando o coágulo acaba se desprendendo, movimentando-se sobre toda a nossa corrente sanguínea. Esse processo é conhecido como embolia e é também famoso como uma condição mais grave da trombose. A embolia pode ficar presa em nossos pulmões, cérebro, coração ou até mesmo outras áreas, o que leva a grandes e graves lesões no nosso corpo.

Os fatores de risco

Por mais que a trombose venosa possa se desenvolver em qualquer indivíduo, existem alguns fatores de risco que favorecem o surgimento dessa condição.

Entre eles estão: uma predisposição genética chamada hipercoagulabilidade, que facilita a própria coagulação do sangue, mais de 40 anos de idade, obesidade, gravidez e pós-parto, dificuldade para deambulação, hormonoterapia, tumores, uso constante de anticoncepcionais, veias varicosas, tabagismo, cirurgias com longa duração, ficar sentado por muitas horas e sedentarismo, insuficiência respiratória e cardíaca, desidratação e outros.

Os sintomas

A trombose venosa conta com uma série de sintomas e, por isso, é fácil identificar o desenvolvimento dessa condição quando ela é visível ao corpo. Porém, em quase metade dos casos, ela não manifesta qualquer tipo de sintoma para o paciente, nem mesmo no corpo. Isso é o que acaba prejudicando um rápido diagnóstico e o próprio tratamento da doença.

Trombose Venosa Profunda (TVP)

Entre os principais sintomas estão:

• Dor frequente na região das pernas, especialmente na panturrilha, que é onde geralmente o nosso sangue para de circular, favorecendo a criação do coágulo sanguíneo. Com o agravamento da doença, a dor pode chegar também na região dos tornozelos e do pé.

• Aonde a doença se manifesta há também grande sensação de queimação, como se a área infectada estivesse sempre fervendo.

• Além disso, é também notável uma mudança na própria cor da pele do indivíduo, na região que foi afetada por essa condição. Essa parte da pele pode passar por alterações na cor entre o azul e o vermelho.

• Por fim, há também a possibilidade do desenvolvimento de um edema, que nada mais é do que um grande inchaço na perna que está infectada pela doença.

Devemos destacar que alguns cuidados básicos com a própria saúde podem evitar o desenvolvimento da trombose venosa, como cuidar da própria alimentação, realizar atividades físicas, não fumar e restringir ao máximo o consumo de álcool.

Recomendados Para Você:

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.